Bello Monte

Pajeú desviou três mil soldados no caminho da Favela

Taramela sua sorte já a presença não havia

O sineiro, dá seis horas, sobe e toca a ave-maria

E o combate é só poeira sob a soleira amarela

Companheiro Villanova

Companheiro João Abade

Que dos becos de Canudos são a alma e proteção

Lutar pela liberdade, lutar pela última benção

Conselheiro reza a cidade com a face voltado pro chão

Uma ideia sobre “Bello Monte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *